Notícias

Diretoria do Parque Ivandro Cunha Lima divulga regulamento da prova

Em 27/02/2013 por Clara Marinho

 

O primeiro boi a correr na vaquejada do Parque Ivandro Cunha Lima, em Campina Grande-PB, sairá do brete às 07h da sexta-feira, 01 de março. Segundo o regulamento da corrida, a categoria Profissional é a primeira a entrar na pista correndo atê as 13hs. Amadores e Aspirantes iniciam a fase de classificação também na sexta-feira, a partir das 14h.
 
No sábado, a derrubada do boi começa uma hora mais cedo, com a classe Profissional. E na sequência, Amadores e Aspirantes. As inscrições poderão ser feitas na quinta-feira, 28 de fevereiro a partir das 13hs, na secretaria do Parque.
 
Na etapa do Campeonato e Ranking Portal, vaqueiros, cavalos e equipes poderão se classificar com até duas senhas, caso obtenham êxito na fase de disputas. Amadores e Aspirantes terão senhas casadinhas de: 4+1 boi; e 3+1 boi, respectivamente.  Para os Profissionais, são 4 bois por cada senha.
 
Os competidores, das três categorias, podem usar o regulamento a seu favor e não correr na 1ª rodada da disputa final. De acordo com as regras do Parque Ivandro Cunha Lima, a senha deverá ser batida “com os bois saindo no meio e sem ser rodado”.   
Serão R$ 150 mil em prêmios na 19ª edição da vaquejada do Parque Ivandro Cunha Lima. O leilão Paraíba Horse acontecerá na sexta-feira, com início às 20h e transmissão pelo AgroCanal.
 
A corrida será transmitida ao vivo pela TV Vaquejada.

enquete

Queremos saber sua opinião!

Você assistiu o Prêmio Melhores do Ano 2014?

participar

anote ai

De 19 a 21 acontece a última etapa do 1º Circuito ACQM-PE de Vaquejada Amador. A etapa será realizada no Parque e Haras BonSucesso, em Bezerros. A premiação é de R$ 35 mil.

Dia (20) Bolão de Natal no Parque J.Galdino em Surubim/PE com R$ 20.000,00 em prêmios.

Portal Vaquejada

NEWSLETTER

Informe seu nome e e-mail e fique por dentro de tudo que acontece na vaqueirama.





A cópia total ou parcial do conteúdo deste site sem a permissão de seus idealizadores é crime previsto na Lei de Direitos Autorais